Cabelo

O guia da máscara capilar – Como usá-la?

Dê sua nota!

Hidratar os cabelos nem sempre exige idas ao salão de beleza.  Afinal, o mercado disponibiliza uma linha de produtos de beleza e cosméticos tão diversificada que é possível que façamos o tratamento básico dos fios em casa, de forma simples e rápida. No texto de hoje, preparamos um guia da máscara capilar – você vai aprender como usá-las a seu favor, para deixar os seus fios sempre belos e saudáveis. Confira!

Guia da máscara capilar: Frequência de uso

 Não dá pra cuidar do cabelo somente uma vez por ano e esperar que ele se mantenha intacto e maravilhoso, não é mesmo? A sua manutenção tem de ser corriqueira. Assim como o uso da máscara capilar. Qual seria a frequência de uso correta do produto?

Em primeiro lugar, é necessário estabelecer o que você pretende com a máscara, isto é, você deseja tratar questões de oleosidade, ressecamento, ou os fios estão sensibilizados e você deseja hidratá-los, nutri-los? Cada tipo de situação, se assim pudermos dizer, requer um tipo de máscara.

Em geral, as máscaras de tratamento capilar são usadas em torno de uma a duas vezes por semana – depende de quão danificado e da necessidade de cuidado que o fio esteja precisando. Além do mais, é preciso se atentar ao tempo de uso, os seja, é preciso olhar a quantidade de minutos que o produto deve ficar em contato com o cabelo.

Para cabelos secos e mais sensibilizados, é recomendado a utilização da máscara por duas vezes na semana, pelo menos de início. A dica é que ela seja aplicada durante o banho, levando em consideração a falta de tempo de muitas mulheres, porém a aplicação acontece após o shampoo e antes do condicionador, pois o condicionador sela as cutículas do cabelo e não deixa a máscara agir de modo eficaz.

Máscara ideal para o seu tipo de cabelo

 Já foi mencionado acima que cada tipo de cabelo exige um tipo de máscara, certo? Portanto, é necessário conhecer e entender como é o seu cabelo e quais são as suas necessidades de tratamento para que seja escolhida a máscara correta e, daí iniciar o processo de tratamento.

Dessa forma, verifique a condição do seu cabelo. Se ele é seco, oleoso, se está sensibilizado, e o que você pretende com a máscara, hidratar, reconstruir, nutrir. Esses são os primeiros passos: identificar e estabelecer o cuidado que as madeixas precisam.

As máscaras, geralmente, são direcionadas as três finalidades de hidratação, nutrição e reconstrução, portanto, saiba quando e de qual desses tratamentos você precisa:

  • Nutrição
    O cabelo que precisa ser nutrido se apresenta com volume excessivo, sem brilho, mal definido, com porosidade, grande quantidade de frizz e bastante embaraçado. Se os seus fios se mostram com essas características, talvez seja o momento de procurar por uma máscara que ofereça nutrição para tratá-los.
  • Hidratação
    A hidratação é sempre bem-vinda em qualquer tipo de cabelo, não precisa necessariamente exprimir um problema específico, todo cabelo merece uma hidratação básica. Mas, seguindo a ideia de que devemos estabelecer a necessidade dos fios, a hidratação é precisa quando notamos as madeixas ressecadas e quebradiças.
  • Reconstrução
    A reconstrução é o tratamento ideal para quem está com os cabelos danificados. Se você notou excesso de quebra, se os fios parecem mais finos do que o normal, se estão fragilizados e se quebram com um simples passar de mão é a hora de oferecer a reconstrução capilar a eles. Ela é fundamental para reconstituir e levar força às madeixas.

 

Viu só como é importante cuidar dos cabelos com frequência e utilizar os produtos corretos, direcionados para o seu tipo de problema, para manter a saúde, movimento e beleza dos fios? Aposte nas máscaras capilares de tratamento e tenha o cabelo sempre sedoso e incrível sem esforços!

O guia da máscara capilar – Como usá-la?

Hidratar os cabelos nem sempre exige idas ao salão de beleza.  Afinal, o mercado disponibiliza uma linha de produtos de beleza e cosméticos tão diversificada que é possível que façamos o tratamento básico dos fios em casa, de forma simples e rápida. No texto de hoje, preparamos um guia da máscara capilar – você vai aprender como usá-las a seu favor, para deixar os seus fios sempre belos e saudáveis. Confira!

Guia da máscara capilar: Frequência de uso

 Não dá pra cuidar do cabelo somente uma vez por ano e esperar que ele se mantenha intacto e maravilhoso, não é mesmo? A sua manutenção tem de ser corriqueira. Assim como o uso da máscara capilar. Qual seria a frequência de uso correta do produto?

Em primeiro lugar, é necessário estabelecer o que você pretende com a máscara, isto é, você deseja tratar questões de oleosidade, ressecamento, ou os fios estão sensibilizados e você deseja hidratá-los, nutri-los? Cada tipo de situação, se assim pudermos dizer, requer um tipo de máscara.

Em geral, as máscaras de tratamento capilar são usadas em torno de uma a duas vezes por semana – depende de quão danificado e da necessidade de cuidado que o fio esteja precisando. Além do mais, é preciso se atentar ao tempo de uso, os seja, é preciso olhar a quantidade de minutos que o produto deve ficar em contato com o cabelo.

Para cabelos secos e mais sensibilizados, é recomendado a utilização da máscara por duas vezes na semana, pelo menos de início. A dica é que ela seja aplicada durante o banho, levando em consideração a falta de tempo de muitas mulheres, porém a aplicação acontece após o shampoo e antes do condicionador, pois o condicionador sela as cutículas do cabelo e não deixa a máscara agir de modo eficaz.

Máscara ideal para o seu tipo de cabelo

 Já foi mencionado acima que cada tipo de cabelo exige um tipo de máscara, certo? Portanto, é necessário conhecer e entender como é o seu cabelo e quais são as suas necessidades de tratamento para que seja escolhida a máscara correta e, daí iniciar o processo de tratamento.

Dessa forma, verifique a condição do seu cabelo. Se ele é seco, oleoso, se está sensibilizado, e o que você pretende com a máscara, hidratar, reconstruir, nutrir. Esses são os primeiros passos: identificar e estabelecer o cuidado que as madeixas precisam.

As máscaras, geralmente, são direcionadas as três finalidades de hidratação, nutrição e reconstrução, portanto, saiba quando e de qual desses tratamentos você precisa:

  • Nutrição

 

O cabelo que precisa ser nutrido se apresenta com volume excessivo, sem brilho, mal definido, com porosidade, grande quantidade de frizz e bastante embaraçado. Se os seus fios se mostram com essas características, talvez seja o momento de procurar por uma máscara que ofereça nutrição para tratá-los.

Máscara Loreal Nutrifier
Máscara Loreal Nutrifier
  • Hidratação

 

A hidratação é sempre bem-vinda em qualquer tipo de cabelo, não precisa necessariamente exprimir um problema específico, todo cabelo merece uma hidratação básica. Mas, seguindo a ideia de que devemos estabelecer a necessidade dos fios, a hidratação é precisa quando notamos as madeixas ressecadas e quebradiças.

Máscara Joico Moisture Recovery
Máscara Joico Moisture Recovery
  • Reconstrução

 

A reconstrução é o tratamento ideal para quem está com os cabelos danificados. Se você notou excesso de quebra, se os fios parecem mais finos do que o normal, se estão fragilizados e se quebram com um simples passar de mão é a hora de oferecer a reconstrução capilar a eles. Ela é fundamental para reconstituir e levar força às madeixas.

Máscara Forever Liss UTI Reconstrutora 950g
Máscara Forever Liss UTI Reconstrutora 950g

Viu só como é importante cuidar dos cabelos com frequência e utilizar os produtos corretos, direcionados para o seu tipo de problema, para manter a saúde, movimento e beleza dos fios? Aposte nas máscaras capilares de tratamento e tenha o cabelo sempre sedoso e incrível sem esforços!

Compartilhe com as amigas! <3

Comente aqui!

comentários

Deixe seu comentário acima ↑
Postagem anterior
2 de agosto de 2018
Postagem seguinte
2 de agosto de 2018

Postagens relácionadas